Minas por Região
Gestão | Saneamento

12h11min - 27 de Abril de 2015 Atualizado em 12h34min

Economia no consumo de água na Região Metropolitana de BH atinge 16%

CaçaGotas reduz tempo para correção de vazamentos de água na capital mineira. Sistema Paraopeba está com 39% da capacidade

Divulgação\Copasa
Equipes do CaçaGotas reduziram em 39% o tempo de atendimento para reparar vazamentos
Equipes do CaçaGotas reduziram em 39% o tempo de atendimento para reparar vazamentos

A variação do consumo de água dos imóveis da Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH) no mês de março foi de 16%, em comparação com o mesmo período de 2014. Em fevereiro deste ano, a economia na RMBH foi de 9,4%. Em todo o estado, a economia no consumo de água em março chegou a 13,3%. Percentual bem superior ao registrado em fevereiro deste ano, que foi de 7,4%.

Nesta segunda-feira, 27/4, o Sistema Paraopeba, responsável pelo abastecimento de água de Belo Horizonte e parte da RMBH, se encontra com 39,2% de sua capacidade. No mesmo período em 2014, o Sistema Paraopeba estava operando com 69% da capacidade e, em 2013, o percentual era 92%.

CaçaGotas reduz tempo para correção de vazamentos

Desde que entrou em operação, no dia 6 de fevereiro, até o dia 31 de março, o programa CaçaGotas diminuiu em 39% o tempo para correção de vazamentos de água em Belo Horizonte, passando de aproximadamente 9 horas para 5 horas e 30 minutos.

“Com muito empenho do corpo técnico da Copasa e com a ajuda da população, via 115, o programa conseguiu, em apenas dois meses, reduzir o tempo de atendimento para correção de vazamentos em Belo Horizonte para 5 horas e 30 minutos”, observa Rômulo Perilli, diretor de Operação Metropolitana da Copasa.

SEGOV - Secretaria de Estado de Governo de Minas Gerais

Desenvolvido por marcosloureiro.com

Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves

Rodovia Prefeito Américo Gianetti, 4001
Edifício Gerais, 1º andar
Bairro Serra Verde - BH / MG
CEP: 31630-901
Tel.: +55 31 3915-0262

Telefones de Contato