Minas por Região
Governador

23h04min - 09 de Abril de 2010 Atualizado em 08h46min - 29 de Junho de 2013

Governador abre seminário sobre desenvolvimento sustentável

IPATINGA (09/04/10) - O governador Antonio Anastasia participou, nesta sexta-feira (9), em Ipatinga, no Vale do Aço, da abertura do Seminário Internacional de Gestão Integrada do Território para o Desenvolvimento Sustentável. O governador defendeu o debate permanente sobre o meio ambiente e o desenvolvimento sustentável entre as várias instâncias de governo, empresários, especialistas e a sociedade. Para ele, esse é o melhor caminho para a superação de obstáculos e a construção de políticas públicas voltadas para a preservação.

“É fundamental o debate permanente sobre a questão ambiental. Minas é o estado considerado como caixa d’água do Brasil. Temos um grande patrimônio hídrico e a região do Rio Doce é uma das regiões mais irrigadas do Brasil. Este simpósio vai mostrar novas alternativas de preservação, que não podem ser só do governo e, aí a importância do evento. São alternativas que vêm da sociedade, dos técnicos, dos especialistas, dos ambientalistas, dos professores. Todos discutirão quais os melhores caminhos. E o governo está aberto para receber essas propostas”, afirmou o governador em entrevista para imprensa local.

O seminário acontece até o dia 11 com o objetivo de discutir modelos de desenvolvimento sustentável adaptados à realidade da região. Organizado pelas entidades ambientalistas brasileiras Instituto BioAtlântica (IBio) e Fundação Gorceix em parceria com o Instituto português Politécnico de Tomar, o seminário faz parte de um programa de formação nos níveis técnicos e de especialização, envolvendo lideranças empresariais, acadêmicos, representantes do governo e da área de meio ambiente.

Em seu pronunciamento para lideranças empresariais, acadêmicos, e especialistas da área ambiental, o governador ressaltou a importância de discutir o desenvolvimento sustentável para regiões como o Vale do Aço que tem grande potencial de crescimento econômico.

“Na região Vale do Aço que tem muitos empreendimentos e receberá mais ainda, precisamos conceber como esse desenvolvimento econômico será compatível com o meio ambiente e a sustentabilidade. Tenho certeza de que seremos capazes de apresentar uma gestão integrada para região”, afirmou o governador.

Mata Atlântica

O seminário discute, entre outros itens, a preservação da Mata Atlântica, um dos biomas mais ameaçados do planeta. O governador Antonio Anastasia destacou a diversidade da flora e fauna de Minas Gerais e a riqueza hídrica do Estado.

“O Estado tem uma política bastante agressiva para a sustentabilidade e manutenção, não só através dos parques – e o próprio Parque do Rio Doce é um exemplo disso. Já investimos aqui alguns milhões de reais e, há poucos dias atrás, com a presença do governador Aécio Neves, inauguramos a expansão das obras de infraestrutura do parque. Investir e debater a sustentabilidade é também muito importante, é uma questão fundamental para nós”, disse ele.

Minas aderiu ao Pacto pela Restauração da Mata Atlântica no início deste ano, com o objetivo de recuperar 15 milhões de hectares até 2050. O documento foi assinado durante inauguração das obras de infraestrutura no Parque do Rio Doce, que abriga a maior área de Mata Atlântica de Minas. O Governo do Estado investiu R$ 3,5 milhões na obras.

Em 2009, o Parque do Rio Doce recebeu 18 mil visitantes. Em seus 36.970 hectares podem ser encontradas cerca de 10 mil categorias de espécies da Mata Atlântica. Já foram identificados 325 espécies de aves e 77 mamíferos, inclusive, espécies ameaçadas de extinção. O Parque do Rio Doce está na região considerada o terceiro maior ecossistema lacustre do Brasil, perdendo para o Pantanal e a Amazônia. A região tem 40 lagos naturais.

Após a abertura do seminário, foi realizada conferência com a participação do ex-ministro de Minas e Energia e de Planejamento, Eliezer Batista, atualmente membro do Conselho Deliberativo do Instituto BioAtlântica (IBio). Cerca de 60 lideranças da região da Bacia do Rio Doce se reuniram em um workshop realizado contribuir com as diretrizes do Programa de Fortalecimento do Capital Social e Qualificação em Gestão Integrada do Território (GIT) para o Desenvolvimento Sustentável na Bacia do Rio Doce, em fase de elaboração.

SEGOV - Secretaria de Estado de Governo de Minas Gerais

Desenvolvido por marcosloureiro.com

Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves

Rodovia Prefeito Américo Gianetti, 4001
Edifício Gerais, 1º andar
Bairro Serra Verde - BH / MG
CEP: 31630-901
Tel.: +55 31 3915-0262

Telefones de Contato